terça-feira, 6 de maio de 2008


MEMORABILIA #6
Em Maio (?) de 1989 os Go Betweens visitaram o Porto e deram um concerto no velhinho Teatro Vale Formoso. Na altura, a banda australiana era uma das principais revelações e confirmações da pop mundial, estatuto a que soube sempre associar uma aura indie intocável. Desde 1979, a dupla Grant Mclennan e Robert Forster fabricou melodias pop brilhantes que o eterno radialista António Sérgio deu a conhecer através do mítico “Bachelor Kisses”. O concerto do Porto era, então, uma oportunidade única e, na altura, rara de sentir e ouvir algumas maravilhas como “Spring Rain” ou “Streets of Your Town”. Contudo, o espectáculo na Invicta foi algo sui generis. Do que recordamos, a banda apresentou-se sem um dos seus elementos femininos, a baterista Lindy Morrison (a figura feminina do cartaz), que na véspera num concerto lisboeta (Estufa Fria?) tinha aparentemente sofrido um acidente (?). Em surdina, comentava-se que a sua falta se devia a alguns desentendimentos surgidos com a principal dupla do grupo, tendo por isso abandonado o barco e viajado para longe. O que é certo é que os Go-Betweens não durariam muito mais e terminariam no final de 1989, com seis grandes álbuns gravados e um lugar na história da música popular. No concerto no Porto, apesar de desfalcados, os Go-Betweens deram o máximo, com alguma rotatividade forçada pelos instrumentos, nomeadamente pela pequena bateria então instalada. Mas verdadeiramente inesquecível foi a prestação da violinista e multi-instrumentista Amanda Brown, figura lindíssima e radiante que ofuscou tudo e todos, principalmente a rapaziada que enchia o teatro. No final, depois de muita espera e paciência lá conseguimos que alguém lhe fizesse chegar o bilhete do concerto para um desejado autógrafo. Não contente, o grupo comandado pela metade masculina da dupla HugtheDj e ainda pelo extasiado amigo Tiralinhas, decidiu seguir a banda até ao Hotel Dom Henrique, local de merecido descanso. Durante o trajecto, o carro foi sempre colado à carrinha onde viajava banda e da qual surgia amiúde a espreitar a tal Amanda, nitidamente assustada com tamanha perseguição! Assim, e depois de algumas trocas de impressões amigáveis, lá estivemos à conversa com todos no átrio do hotel e a única coisa que nos lembramos para marcar o momento foi ir a uma das ruas circundantes arrancar de uma parede um resto do cartaz promocional do concerto. É este “bocado” de história “Rock&Roll” que aqui se reproduz e onde Amanda Brown simpaticamente anotaria um “to Miguel lovely name”. Saudades, I keep you right here. Após algumas reformulações a partir de 2000 e mais dois magníficos discos, a banda acabaria, infelizmente, em 2006, precisamente neste dia 6 de Maio, com a morte de Grant McLennan. PEACE!

The Go-Betweens - Right Here (live @ ABC's Blah Blah Blah, 1988)

Sem comentários: