sexta-feira, 30 de maio de 2008

SCOUT NIBLETT, Mercado Negro, Aveiro, 29 de Maio de 2008


Na tradição que Scout Niblett parece manter, a sala lotada do Mercado Negro recebeu ontem um concerto verdadeiramente intímo. As paredes negras e a luz ténue do espaço, conduzem a uma proximidade e aconchego próprios de um pequeno auditório, que Niblett comparou a uma sala de aula. Na verdade, assumiu, desde logo, o seu papel de mestre de escola, desafiando várias vezes os presentes a fazerem perguntas (any questions?), e, apesar da timidez latente, houve quem, do escuro e para risota geral, lhe pedissse para ser a mãe dos seus filhos. Pareceu ”interessada”, mas a incompatibilidade dos signos astrológicos, deitou tudo por terra, embora a proposta (indecente?) tenha servido para encurtar “distâncias”! Grande momento! Mas é com as suas canções que Niblett nos agarra. O minimalismo de uma só guitarra eléctrica e a sua voz forte e “suja”, contam histórias reais ou sonhadas (brilhante em “Do you wanna be buried with my people”), de tradição “grunge” marcadamente melancólica. Acompanha-a um baterista, que apesar de não nos ter sido apresentado, é o seu cúmplice perfeito. Do mais recente disco “This fool can die” fez-se o sumário da “aula” mas houve revisões de “lições” passadas. Mesmo sem o “tempero” de Bonnie Prince Willie, o já incontornável “Kiss” resultou memoravelmente num intenso arrepio. As comparações podem ser muitas (de PJ Harvey, passando por Liz Phair até Cat Power), mas até na forma tão sexy como cerra os dentes quando canta e na simpatia que emana, desde o primeiro instante que ficamos seduzidos! Já agora, somos do mesmo signo e nascemos no mesmo dia...

3 comentários:

menina limão disse...

Olá JMiguel,

os Hug The DJ disseram-me andar pelo mercado uma "campainha eléctrica", mas não cheguei a identificá-la.

Fico contente por ver que o feedback ao concerto é positivo.

Quanto a mim, é um dos concertos da minha vida, ficou para a (minha) história.

Não consegui tirar fotografias. Será pedir muito que me envies as tuas? Não sei sequer se estarias disposto a partilhá-las, quanto mais a ter o trabalho de enviá-las, mas se estiveres disposto a isso, agradeço-te muito.

JMiguel Neves disse...

Cara meninaL,
quando tiver um bocadinho de tempo podes contar com o envio de bom grado... Deixa pf mailbox

menina limão disse...

Obrigada. :)

meninalimao @gmail.com